Bandeira da Coreia do Sul

ღ A bandeira da Coreia do Sul é chamada de Taegeugki (태극기). A bandeira da Coreia do Sul é muito simbólica, cada elemento presente na bandeira tem um significado que demonstra os princípios da cultura e do povo coreano.


A história conta que o Rei Gojong nomeou Baek Yeoung Hyo como seu embaixador no Japão em Setembro de 1882. Na sua viagem para o Japão, Baek Young Hyo desenhou a bandeira nacional com o círculo taegeuk, mas incluiu apenas 4 trigramas, ao invés dos 8 usados anteriormente. A 6 de março de 1883 a Taegeukgi foi proclamada como bandeira oficial da Coreia. Mas só em Junho de 1942, o governo coreano no exílio (por causa da ocupação japonesa) promulgou uma lei com as ordens exatas para fazer a bandeira. Depois do fim da ocupação japonesa e da criação da República da Coreia a taegeukgi tem sido usada como a bandeira oficial da Coreia do Sul.
A Taegeugki é muito simbólica,  a sua origem vem da filosofia oriental dos princípios do Ying-yang (eum-yang 음양 em coreano). Na Coreia o símbolo do ying-yang é chamado de taeguk. A bandeira pode ser dividida em 3 partes: o fundo branco, o círculo vermelho e azul no centro e os 4 trigramas.
O fundo branco significa luz e pureza e reflete a afinidade dos coreanos tradicionais pela paz.
O centro vermelho e azul, o chamado taegeuk, representa a origem de todas as coisas no universo e acarreta também os princípios do ying-yang da perfeita harmonia. A parte azul são as coisas negativas e a parte vermelha as coisas positivas. Juntos representam o equilíbrio e o movimento “infinito”.
Os quatro trigramas nos cantos (chamados kwe em coreano) estão explicados no quadro abaixo:

Comentários

  1. A bandeira sul-coreana é linda, bem, eu acho

    ResponderExcluir
  2. Eu também acho, bonita e com um bonito significado

    ResponderExcluir

Postar um comentário

✗ DESTILE SEU VENENO ✗